Associação de Produtores e Importadores de Inoculantes lança nova identidade com foco nos bioinsumos

Agora chamada Anpii Bio, a entidade expande sua atuação para abranger todos os biológicos utilizados na agricultura

08.07.2024 | 14:25 (UTC -3)
Letícia Rodrigues, edição Revista Cultivar
Foto: divulgação
Foto: divulgação

A Associação Nacional de Produtores e Importadores de Inoculantes (Anpii) está passando por uma transformação significativa para se alinhar à “Revolução dos Biológicos” na agricultura. Agora chamada Anpii Bio - Associação Nacional de Promoção e Inovação da Indústria de Biológicos, a entidade está expandindo sua atuação para abranger todos os biológicos utilizados na agricultura. Este rebranding reflete o crescimento da associação, que passou de 8 associados em 2022 para 29 em 2024. 

Além disso, o anúncio da nova marca representa um marco significativo para o mercado de bioinsumos, que já é estimado em mais de 6 bilhões de reais atualmente - sendo 80% em biodefensivos e 20% em bioinoculantes. Juntos, esses segmentos têm uma previsão de crescimento de 16,6% ao ano em área tratada no Brasil até a safra de 2027/28, representando o segmento com maior crescimento projetado no setor de insumos. 

“A mudança de marca foi anunciada durante a Assembleia Geral Ordinária anual, realizada em Londrina (PR) no último mês de junho, refletindo uma necessidade de modernização e expansão do escopo da Anpii, que é a primeira associação de biológicos no Brasil. Com a crescente demanda por bioinsumos e a evolução tecnológica no setor agrícola, a entidade percebeu a necessidade de se reposicionar para melhor representar a diversidade de produtos e soluções biológicas que estão transformando a agricultura. O rebranding para Anpii Bio simboliza essa nova fase de crescimento e inovação, posicionando a entidade como um líder representativo em um mercado em rápida expansão”, explica Larissa Simon (na foto), Diretora de Operações da Anpii Bio. 

Evento de lançamento

Foto: divulgação
Foto: divulgação

O lançamento da nova identidade visual e nome – Anpii Bio – reflete a ampliação do escopo de atuação da entidade para incluir todos os biológicos utilizados na agricultura, iniciado no primeiro semestre deste ano. Esta mudança marca o início de uma nova fase, com investimentos robustos em representação setorial, promoção de tecnologias biológicas, pesquisa e inovação contínua e disseminação de conhecimento sobre biológicos, sendo necessário uma entidade como a Anpii Bio para garantir representatividade, inovação e crescimento sustentável ao setor. 

Durante o evento, os associados também aprovaram um estatuto mais moderno e objetivo, que garante a estruturação da entidade para o crescimento e ampliação dos direitos das empresas associadas e do mercado de bioinsumos como um todo. Entre as inovações, destaca-se a definição clara da nova estrutura da entidade, agora dividida entre o time Executivo e o Conselho, permitindo que a Executiva trabalhe na operação enquanto o conselho se concentra em acompanhamento e decisões finais. A implantação de suporte jurídico especializado nas áreas tributária e fiscal também foi aprovada, proporcionando mais segurança e orientação aos associados.

Na ocasião, os associados também formalizaram o planejamento estratégico da entidade até 2026, com metas de crescimento e aumento de representatividade do setor de inoculantes biológicos e biodefensivos para os próximos anos. Em todos os cenários, a meta é de crescimento. 

"O nosso objetivo é capacitar as empresas para inovar com excelência. Ao integrar a Anpii Bio, as empresas assumem um papel de protagonismo nas questões regulatórias e científicas, liderando o avanço do setor de biológicos no Brasil. Queremos garantir que nossos associados tenham as melhores condições para desenvolver tecnologias biológicas de ponta, promovendo sustentabilidade e eficiência na agricultura," finaliza Larissa Simon. 

Compartilhar

LS Tractor Fevereiro