Bayer e Trinity Agtech anunciam parceria para impulsionar a agricultura regenerativa na Europa

O negócio visa a utilizar a plataforma Sandy da Trinity Agtech para medir e monitorar o carbono em nível agrícola, assim como personalizar o desenvolvimento das soluções da Bayer

21.03.2024 | 07:44 (UTC -3)
Revista Cultivar, com informações de Alexander Hennig e de Rebecca Morgan

Em movimento para promover a agricultura regenerativa e o combate às mudanças climáticas, a Bayer celebrou negócio com a Trinity Agtech, sediada no Reino Unido, para impulsionar sua iniciativa de carbono na região EMEA (Europa, Oriente Médio e África). O acordo visa a utilizar a plataforma Sandy da Trinity Agtech para medir e monitorar o carbono em nível agrícola, assim como personalizar o desenvolvimento das soluções da Bayer de acordo com as necessidades dos atores da cadeia de valor e dos agricultores.

A iniciativa de carbono europeia é um pilar na estratégia da Bayer para modelar a agricultura regenerativa, visando tornar a agricultura mais produtiva e resiliente, enquanto restaura os recursos naturais. Lançada em 2021, a iniciativa abrange múltiplos projetos personalizados com grandes empresas da cadeia de valor alimentar e agrícola. Atualmente, agricultores de vários países europeus e empresas do setor alimentício e agrícola trabalham em conjunto com esses parceiros para reduzir as emissões de carbono e sequestrar carbono no solo.

Conforme a Bayer, os resultados dos projetos indicam que os agricultores que utilizam práticas regenerativas emitem, em média, 15% menos carbono que os agricultores convencionais. Até 2025, a empresa planeja aumentar o número de projetos na cadeia de valor alimentar e agrícola, bem como o número de agricultores participando dos programas da cadeia de valor.

Para apoiar esses objetivos, o monitoramento, relatório e verificação (MRV) confiáveis são essenciais para todos os atores da cadeia de valor alimentar, a fim de estar em conformidade com terceiros, diretrizes globais, corpos de certificação e requisitos regulatórios.

Com a Sandy, a Trinity Agtech desenvolveu uma plataforma baseada em nuvem, confiável e de fácil uso, em que agricultores e desenvolvedores de projetos podem centralizar todos os seus dados para criar um registro baseado em dados primários e fatos do capital natural de uma fazenda. Isso permite ao agricultor avaliar o balanço de carbono da fazenda e explorar opções futuras.

Lionnel Alexandre, líder do empreendimento de carbono para Europa, Oriente Médio e África na divisão de ciências agrícolas da Bayer, destacou as vantagens do negócio: "nossa colaboração com a Trinity oferece muitos benefícios para os agricultores e para nossos parceiros na cadeia de valor alimentar que desejam cumprir seus compromissos de redução de carbono e apoiar práticas regenerativas na agricultura. Precisamos de tecnologia de medição confiável e análise de dados para verificar as reduções de carbono e o sequestro de carbono nas fazendas. A Trinity contribui com sua plataforma de ponta, reconhecida por muitos especialistas ao redor do globo."

Conforme as empresas, os modelos e frameworks analíticos da Trinity estão em conformidade com os padrões do IPCC e outras diretrizes globais importantes, garantindo a precisão nas avaliações feitas para os agricultores com os dados disponíveis. Recente pesquisa encomendada pelo Departamento de Meio Ambiente, Alimentação e Assuntos Rurais (DEFRA) do Reino Unido classificou o software Sandy da Trinity como o primeiro em avaliar pegadas de carbono agrícolas e capital natural.

“Estamos orgulhosos do compromisso da Bayer com análises de sustentabilidade credíveis e confiáveis e seu poder em avançar a prosperidade e o progresso ambiental da cadeia de suprimentos de alimentos e agricultura. A Trinity está encantada em ser a parceira analítica de escolha da Bayer neste programa vital”, disse Hosein Khajeh-Hosseiny, fundador e presidente executivo da Trinity.

Compartilhar

Mosaic Biosciences Março 2024